LogoUT

Leitora desenvolve ações para promover a cultura francesa no CEFET-MG

10/09/2018

Para enriquecer ainda mais as ações de internacionalização, o CEFET-MG dá as boas-vindas à francesa Nina Layotte, que acaba de chegar à Instituição e, por nove meses, desenvolverá atividades de ensino e divulgação da cultura e da língua francesa. A vinda de Nina se deu graças a aprovação de projeto do CEFET-MG para integrar o Programa de Leitores Franceses, resultado de convênio firmado entre o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) e a Embaixada da França.

Nina explica que não conhecia o Brasil, nem o CEFET-MG, mas a primeira impressão foi de uma Instituição dinâmica e entusiasta de novidades. “Vejo como uma boa iniciativa do CEFET-MG a oportunidade de estimular o ensino francês, que não é uma língua comumente estudada no País, como o inglês”, avalia.

O cronograma de atividades da leitora está em fase de finalização e inclui oficinas e cursos de língua francesa. Nina adianta que serão realizadas exibições comentadas de filmes em francês com legendas em português e oficinas de teatro “que possam incentivar as pessoas a conhecerem e estudarem o idioma”, vislumbra. Em setembro, ela participa da mostra competitiva de cinema francês FestiFrance, que acontece nos dias 17 e 18 no campus II.

As atividades do Programa de Leitores Franceses começam a ser desenvolvidas efetivamente em outubro e serão destinadas a estudantes, docentes e técnicos administrativos. O cronograma será dinâmico e algumas ações serão formatadas a medida em que surjam as demandas. O conteúdo de vídeos com dicas sobre a língua e a cultura francesas, por exemplo, serão definidos de acordo com o interesse apresentado pelos participantes.
 

Pesquisa

Para melhor adequar as aulas de língua francesa às necessidades da comunidade cefetiana, a Secretaria de Relações Internacionais (SRI) está fazendo uma pesquisa online para identificar o público interessado em participar dos cursos e o turno preferencial para a realização das aulas. As turmas serão destinadas a alunos e servidores dos campi de Belo Horizonte. Outras ações estão sendo pensadas para atender às demandas dos demais campi.
 

Em casa

A SRI vem apostando no desenvolvimento de ações que promovam a competência intercultural da Instituição, pelo viés da promoção do ensino de línguas estrangeiras, como também no desenvolvimento de ações de formação de pessoal qualificado para as relações internacionais.

A secretária adjunta de Relações Internacionais, professora Natália Tosatti, explica que “as ações de internacionalização em casa desenvolvidas pelo CEFET-MG buscam trazer outras culturas e línguas estrangeiras para o ambiente acadêmico”. A presença da leitora representa uma oportunidade de mobilizar estudantes e servidores para que conheçam mais sobre a língua e a cultura, contribuindo para a construção de novas visões de mundo. O estímulo ao aprendizado do idioma francês, mais especificamente, busca também atender a parcerias de pesquisa e mobilidade firmadas entre o CEFET-MG e instituições de ensino do país europeu.

“Outras ações de internacionalização em casa estão por vir”, adianta Natália. Uma delas é a nova edição do Bate Papo Plurilíngue, que será realizado no dia 26 de setembro. A programação completa será divulgada em breve.

 

Secretaria de Comunicação Social / CEFET-MG