LogoUT

  • FAPEMIG convoca projetos de pesquisa para mostra

    FAPEMIG convoca projetos de pesquisa para mostra

    A FAPEMIG está selecionando projetos de pesquisa apoiados por ela e por outras agências de fomento para integrar evento-mostra.

    Os participantes devem enviar um vídeo amador (pitch) com informações sobre o projeto para a Coordenação Geral de Divulgação Científica e Tecnológica (CGDCT) do CEFET-MG até o dia 4 de setembro.

    O objetivo é apresentar soluções para problemas que afetem o cotidiano da população e que promovam a competitividade das instituições e empresas, além de dar visibilidade às pesquisas desenvolvidas em ciência e tecnologia no Estado.

    Os pitchs produzidos pelos projetos do CEFET-MG vão passar por avaliação interna e aqueles aprovados serão enviados à FAPEMIG para seleção. As pesquisas escolhidas serão divulgadas na imprensa, participarão da mostra e ainda vão fazer parte de um catálogo dirigido às instâncias de governo, à comunidade técnico-científica, aos empresários e às instituições investidoras.

    A Fundação irá divulgar o resultado da avaliação em 18 de setembro, e o evento-mostra será realizado em novembro, com data a ser confirmada.

    Vídeo

    Pitch é um vídeo amador que pode ser feito por celular ou câmera comum, divulgando o resultado, produto, processo ou serviço. O professor responsável deve ser o apresentador do projeto no vídeo, mantendo uma linguagem acessível e de fácil entendimento. O uso de maquetes, protótipos, ilustrações ou outros recursos visuais é importante para facilitar o entendimento do público leigo.

    A qualidade técnica do vídeo não é pré-requisito para seleção, o destaque deve ser o conteúdo, já que os vídeos selecionados terão sua qualidade aperfeiçoada. A FAPEMIG solicita que os participantes fiquem atentos aos contratos de propriedade intelectual e verifiquem como é possível divulgar a tecnologia sem ferir cláusulas contratuais.

    O material deve ter no máximo 300MB, com três minutos de duração, e o arquivo deve ser salvo com o nome da pessoa que aparece nas imagens e o nome da instituição (Exemplo: thiago_borges_CEFETMG.mp4).

    Roteiro para a gravação do pitch

    – Apresentar o pesquisador (nome, nome da empresa, equipe principal, instituição/departamento);
    – informar instituição de financiamento;
    – informar o nome da tecnologia ou produto;
    – especificar o objetivo da tecnologia ou produto;
    – apresentar os diferenciais da tecnologia e as aplicações científicas e ou mercadológicas;
    – especificar o possível impacto para a sociedade.

    Contato

    Os vídeos devem ser enviados para somioli2@yahoo.com.br e as dúvidas podem ser sanadas pelo telefone da CGDCT, (31) 3319-7110.

    Programe-se

    4 de setembro – data limite para envio dos pitchs ao CEFET-MG
    11 de setembro – data de envio dos pitchs pré-selecionados à FAPEMIG
    18 de setembro – resultado da avaliação dos pitchs
    25 de setembro – entrega do sumário executivo das tecnologias
    9 de outubro – pitchs regravados
    Novembro – evento-mostra

    Secretaria de Comunicação Social / CEFET-MG
     

  • “Ensino Técnico sem Fronteiras”; CEFET-MG é pioneiro

    “Ensino Técnico sem Fronteiras”; CEFET-MG é pioneiro

    De janeiro a março de 2016, ao menos seis estudantes do Ensino Técnico do CEFET-MG vão estudar e trabalhar no Reino Unido.

    A carta de intenção do projeto, denominado “Skills Without Borders” (Ensino Técnico sem Fronteiras), foi assinada na última semana, na Embaixada do Reino Unido, em Brasília. A parceria entre o CEFET-MG e o Association of Colleges (AoC) (coordena o Ensino Técnico no Reino Unido) é inédita no âmbito do Ensino Técnico no Brasil.

    Segundo a secretária de Relações Internacionais, professora Maria Inês Gariglio, o CEFET-MG foi escolhido para realizar o piloto deste projeto em razão da experiência em programas de internacionalização e da reconhecida qualidade de seus cursos técnicos. “Em junho, fomos visitados por um avaliador da AoC para verificar a qualidade de nosso ensino. A observação feita por ele não podia ser melhor. Ele visitou salas de aula, laboratórios e conversou com alunos e professores”, contou.

    Ainda de acordo com a secretária de Relações Internacionais do CEFET-MG, a experiência de estudo e trabalho no Reino Unido vai alterar a percepção de mundo dos alunos e transformá-los em profissionais mais bem preparados para o trabalho cada vez mais globalizado. “O intercâmbio vai contribuir para o desenvolvimento da competência intercultural dos alunos e da instituição, isto é, a capacidade de lidar e tolerar melhor as diferenças”, disse Gariglio.

    Em termos institucionais, o “Ensino Técnico sem Fronteiras” concretiza o propósito de ampliar o escopo da internacionalização a todos os níveis de ensino, para a professora. “É um momento de muita alegria para a Secretaria de Relações Internacionais, porque vemos nosso esforço de aproximação com o Reino Unido, desenvolvido ao longo de 6 anos, recompensado”.

    Edital à vista

    A previsão de publicação do edital para o “Ensino Técnico sem Fronteiras”, segundo a secretária de Relações Internacionais, professora Maria Inês Gariglio, é outubro. A princípio, alunos dos cursos de Eletrotécnica, Informática, Mecatrônica vão poder participar da seleção, pois essas são áreas prioritárias para a Embaixada do Reino Unido. Entre os critérios para participação do processo, estão: ter média acadêmica de 70; ter, na data da viagem, 18 anos completos; ser aluno regularmente matriculado no CEFET-MG e na disciplina estágio supervisionado; ter proficiência em inglês a ser medida pelo teste IELTS.

    Saiba mais

    Parceria entre CEFET-MG e Reino Unido se expande
    CEFET-MG presente no Going Global, em Londres
    CEFET-MG tenta parceria com o Reino Unido

    Secretaria de Comunicação Social / CEFET-MG
     

  • CEFET-MG dá continuidade à reciclagem de automóveis

    CEFET-MG dá continuidade à reciclagem de automóveis

    O diretor-geral do CEFET-MG, professor Márcio Silva Basílio, recebeu nesta quinta-feira (20) o coordenador de projetos da Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA), Fábio Takahashi, para dar andamento ao projeto de reciclagem de veículos que será implantado no Câmpus II, Unidade Belo Horizonte.

    Durante a reunião, Fábio Takahashi destacou que a JICA já iniciou a aquisição dos equipamentos que serão utilizados na planta-piloto do projeto, que está em fase de adaptação, e que a importação do maquinário será efetivada em até 30 dias após o fim da reforma no galpão onde eles serão alocados, no Câmpus II.

    O coordenador também afirmou que, em fevereiro de 2016, a empresa Kaiho Sangyo (Japão) irá capacitar oito profissionais que irão atuar no projeto de reciclagem de automóveis na planta-piloto do CEFET-MG. Fábio também elogiou a iniciativa da Instituição e os pontos positivos que têm surgido por meio dessa parceria. “O projeto foi realizado em um novo estilo de parceria, que tomou grandes dimensões. Percebemos que ele está sendo muito divulgado e já adquiriu proporções diferenciadas”, ponderou.

    O diretor-geral, professor Márcio Silva Basílio, ressaltou que o projeto é um “cartão de visita para a Instituição e que vai agregar ao menos 15 dos 19 cursos ofertados pelo CEFET-MG.”

    A secretária de Relações Internacionais, professora Maria Inês Gariglio, que também participou da reunião junto com o diretor de Extensão e Desenvolvimento Comunitário, professor Eduardo Henrique da Rocha Coppoli e o seu adjunto, professor Geraldo do Carmo Filho, e com o mentor do projeto, professor Daniel Enrique Castro, do Departamento de Engenharia Mecânica, reafirmou a importância desse trabalho de “pesquisa aplicada, que nos coloca em relação de vanguarda e permite pensar em novas estratégias de internacionalização.”

    A professora também aproveitou a reunião para convidar a JICA, em nome de seu coordenador de projetos, para participar da 11ª Semana C&T, que acontece entre os dias 20 e 24 de outubro (que foi prontamente aceito) e do VII Encontro dos Docentes de Pós-Graduação Stricto Sensu do CEFET-MG, a ser realizado no dia 14 de setembro.

    O professor Daniel Enrique Castro enfatizou que a área que receberá a planta-piloto da usina de reciclagem de veículos está sendo liberada desde julho e que a prioridade é adequar o local onde serão alocados os equipamentos. Também afirmou que é uma preocupação institucional observar questões como alvará de funcionamento e adequação do espaço às legislações sobre segurança e meio ambiente. E completou afirmando que, até setembro, os nomes dos profissionais que serão capacitados no Japão em fevereiro estarão definidos.

    A reunião contou ainda com a presença de Rogério Franco, do grupo Pluvion (EUA), formado por mais de 230 cientistas, que afirmou que “pretende coletar mais informações sobre o projeto que está sendo desenvolvido, pois há um interesse de ordem internacional no assunto.”

    Secretaria de Comunicação Social / CEFET-MG

     



Unidades

Galeria de fotos

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Nam cursus. Morbi ut mi. Nullam enim leo, egestas id, condimentum at, laoreet mattis, massa.
cefet Twitter twitter bird

@cefet_mg

top

CEFET-MG no Facebook

Enquete

Você acompanha e participa das eleições que estão sendo realizadas no CEFET-MG?

Data de Início: 22/05/15|Encerrada: 22/06/15 Habilite Cookies no seu navegador!
  •  Sim, acompanho e participo
  •  Sim, acompanho, mas não participo
  •  Não, nem acompanho, nem participo

Favor escolher uma resposta

Voto efetuado com sucesso

Favor escolher uma resposta